Compaixão satânica!!




A quantidade de crimes cometidos por jovens é enorme em nossa sociedade. De coisas menores a estupro, assassinato... Logo depois vemos pais esvaziando todos os armários para fabricar uma desculpa ... companhias, governo, sociedade, falta de estudo, violência em algum ponto da vida...  Diante das coisas mais evidentes, os pais de nossa geração agem simplesmente como advogados de seus filhos.


Os pais fazem tudo o que podem para que os filhos – mesmo quando pequenos na escola, por exemplo – tenham a certeza de que não sofrerão as consequências de suas ações.


Eu estava lendo esses dias a história de uma mãe muito diferente (mesmo dos pais cristãos) dos pais de forma geral em nossos dias. Que bem faria a todos esse “novo” tipo de pais.


Esta mão ensinou o Evangelho ao filho desde sua infância. Como Timóteo ensinado por Lóide e Eunice, ele ouvir o ABC sagrado desde o peito de sua mão, mas ao contrário de Timóteo, ele não tinha aprendido a sabedoria que o levou a Cristo. Em sua teimosia deliberada e persistente quando já crescido viveu uma vida, se não de delinquência, mas de indiferença para com Deus.
Finalmente ouviu de sua mãe: “Filho, seu caminho está indo direto para o julgamento de Deus. E a única esperança de sobreviver a isso, Cristo, não é, neste momento, um intermediário entre você e Deus. Você conhece a Verdade desde criança. Você ouviu isso de novo de novo e de novo. Logo chegará o dia em que você vai estar diante de um Deus santo em julgamento. Então você ouvirá todos os teus crimes contra Deus ( e o menino não era um delinquente ) listados um a um. Você não tem desculpas. Você ouvirá a voz de Deus pela última vez, e você terá que conectar toda a sua mente com tudo o que você faz e é agora. Você vai ouvi-lo condenando-o a passar a eternidade sob a Sua ira no inferno sem esperança alguma. E embora dizer isso parta o meu coração, eu levantarei naquele dia e direi AMÉM PARA O JULGAMENTO DE DEUS”.



Que tipo de pais realmente amam seus filhos, os que em tudo fazem para que seus filhos não sofram as consequências de seus atos, ou esta mãe? Que tipo de pais realmente amam a Deus?


Lembre-se: NÃO É POSSÍVEL temer o Senhor e desprezar a JUSTIÇA do Senhor ao mesmo tempo. Esta espécie de “compaixão” tão comum em nossa geração – nos pais, na igreja, na filosofia humanista... longe de ser divina, é, na verdade, uma compaixão satânica.




0 comentários:

Postar um comentário

 

Adoração!

Flickr Photostream

Sermões!

C. H. Spurgeon